A UD Leiria ‘B’ conseguiu um triunfo (2-1) arrancado a ferros na manhã de domingo no dérbi frente ao SCL Marrazes, num jogo em que os leirienses deram a volta ao resultado nos últimos minutos da partida. A formação marrazense só se pode queixar de si própria já que podia ter ‘matado’ o jogo por diversas vezes, mas pecou na finalização.

O jogo começou aberto, com as duas equipas a mostrarem disposição para discutir a vitória, mas a melhor oportunidade pertenceu ao Marrazes quando Machado cruzou para a área, onde apareceu Diogo Marques a falhar a emenda à boca da baliza de forma incrível.

Depois de um primeiro tempo com poucos motivos de interesse, a segunda parte foi bem mais movimentada, desde logo com o aparecimento dos golos.

A UD Leiria foi a primeira a criar perigo na sequência de um canto em que Leonardo tirou a bola em cima da linha de golo quando os adeptos já faziam a festa. No desenrolar do lance, o Marrazes desenvolveu um contra-ataque mortífero em que Simão surgiu isolado e, na cara de Fabião, atirou a contar.

A partir daqui, o Marrazes ficou com o jogo na mão, com os leirienses a acusarem muito o golo sofrido, já que, pouco depois, Simão – sempre ele – ganhou um ressalto na área e, em boa posição, atirou a centímetros da barra.

O Marrazes continuava por cima do jogo  e esteve perto de aumentar a vantagem após cruzamento de Leonardo com Diogo Marques a cabecear para grande defesa de Fabião, com o avançado marrazense a falhar ainda a recarga de forma incrível.

Respondeu a UD Leiria quando Biscaia cruzou e o guarda-redes João Bento teve uma intervenção deficiente, deixando a bola à mercê de Nuno Dinis que, com a baliza deserta, atirou ao lado.

Do outro lado, o Marrazes voltava a semear o pânico, com Simão a travar novo duelo com Fabião, num lance em que o guarda-redes da casa voltou a mostrar-se a grande nível.

Como quem não marca sofre, a UD Leiria deu nos últimos minutos uma verdadeira lição de eficácia. Primeiro com o golo do empate após um erro infantil de João Bento que, ao agarrar a bola pela segunda vez na área, provocou um livre indirecto para a equipa contrária. Desse lance chegou o empate com Nuno Dinis a aproveitar um ressalto para fazer o 1-1.

Depois, já no período de descontos, num lance de contra-ataque, Biscaia apareceu isolado, fazendo o 2-1 na recarga, após uma primeira defesa de João Bento, num lance muito contestado pela formação visitante.

Arbitragem manchada por vários erros do trio liderado por Gonçalo Carreira.

UD Leiria ‘B’       2
Fabião, Artur (Zé Rodrigues, 53’), Tomás (c), Bruno, Pedrosa (JP, 53’), Pedro Cruz, Gonçalo, Nuno Dinis, Espada (Ruben, int.), Norte (Miguel Duarte, 70’), Biscaia.
Não jogaram: Costa, Manuel, David Silva.
Treinador: Rui Silva.

SCL Marrazes       1
João, Bento, Leonardo, Cruz, Felipe (c), Romeu (Monteiro, 53’), Leandro, Guilherme, Brazão (Vasco Lopes, int.), Machado (Francisco Ferreira, 68’), Simão, Diogo Marques.
Não jogaram: Francisco, Pedro Ribeiro, Daniel Reis, André Fonseca.
Treinador: Bruno Veloso.

Campo da Mata, Santa Eufémia
Árbitro: Gonçalo Carreira. Auxiliares: Tomé Pires e Ricardo Roque.
Espectadores: 80. Ao intervalo: 0-0.
Golos: 0-1 Simão (44’), 1-1 Nuno Dinis (65’), 2-1 Biscaia (70+2’).
Disciplina: Amarelo a Cruz (70+3’).

Texto e foto: José Roque – Diário de Leiria