Uma exibição imaculada do SCL Marrazes, pincelada com algum momentos de brilhantismo, permitiram à equipa de Marco Aurélio um triunfo inequívoco no terreno do GD Vidreiros por 0-4, numa vitória que até peca por escassa tamanho foi o domínio e a qualidade patenteada pelos visitantes.

A primeira situação de perigo pertenceu ao Marrazes, através de um contra-ataque em que Yassine ficou em excelente posição, mas David fez uma grande defesa a impedir o golo. No minuto seguinte, os mesmos protagonistas estiveram em destaque com David a defender por instinto um cabeceamento de Yassine.

Depois das ameaças o golo surgiu mesmo na sequência de um livre directo superiormente marcado por Fred.

Perante a inoperância da equipa da casa, o Marrazes era dono e senhor do jogo e não foi de estranhar que tivesse chegado ao 0-2: na sequência de um livre batido para a área, Marcos cabeceou para o golo, com a bola a embater em Hugo Monteiro antes de entrar.

O Marrazes fazia o que queria do jogo e, pouco depois, num lance puro de contra-ataque, Marcos ultrapassou os adversários em velocidade e, na cara de David, desviou do guarda-redes e fez o 0-3.

No início da segunda parte, Conca assinou o momento da tarde ao disferir um potente remate à entrada da área, descaído para a direita, com a bola a entrar no ângulo, para um golo de belo efeito.

No minuto seguinte, foi Faustino quem ficou a centímetros do golo após cruzamento da esquerda.

A partir daqui o jogo perdeu alguma intensidade, mas, ain­da assim, o Marrazes não deixou de causar perigo. Primeiro foi Yassine quem ‘partiu’ o adversário directo e rematou pouco por cima. De seguida, foi Hugo Monteiro quem encheu o pé acertando em cheio na barra da baliza do Vidreiros.

Sem nada a perder, a equipa da casa arriscou mais no ataque e ficou perto do golo de honra após remate de Nascimento, mas Gordalina fez uma boa defesa para canto.

Arbitragem com vários erros, mas sem influência.|

GD Vidreiros 0
David, Cláudio, Gonçalo Dias, Mário Wilson, Pastilhas, Célio, Carlos Tiago (c), João Matos (Gonçalo Ribeiro, 60′), Amaro (Suordem, 60′), Rúben Coelho, Nascimento. Não jogaram: Pedro Órfão, João Luís, Vitinho, Évora.
Treinador: José Carlos.

SCL Marrazes 4
Gordalina, Tiago Clemente (c), Chiquinho, João André, Fred, Conca, Hugo Monteiro, Marcelo (Brites, 64′), Marcos (Miguel Carvalho, 76′), Pedro Faustino (David Lopes, 79′), Yassine. Não jogaram: Marcelo, Carpete, Nuno Joaquim, Filipe Almeida.
Treinador: Marco Aurélio.

Campo do Tojal, Picassinos
Árbitro: Rafael Marques. Assistentes: Pedro Pereira e Miguel Pires.
Espectadores: 250. Intervalo: 0-3.
Golos: 0-1 Fred (18′), 0-2 Hugo Monteiro (30′), 0-3 Marcos (34′), 0-4 Conca (46′).
Disciplina: Amarelo a Tiago Clemente (52′), Pastilhas (68′), Mário Wilson (75′), Fred (89′), Yassine (90+2′), Carlos Tiago (90+2′).

Texto e foto: José Roque – Diário de Leiria