O Caldas SC foi até Sintra empatar (1-1) frente ao Pêro Pinheiro, num jogo em que a formação caldense, já de olhos nas meias-finais da Taça de Portugal, utilizou uma equipa pouco habitual, o que não impediu a formação caldense que fazer um bom jogo e arrancar um resultado positivo, diante de uma equipa que precisava da vitória como de pão para a boca a pensar na manutenção. Aliás, o empate final acabou por ‘condenar’ a formação de Sintra que viu a despromoção ser confirmada.
O técnico José Vala montou a equipa a pensar na Taça, fazendo nove mexidas na equipa habitual, pelo que os primeiros minutos foram repartidos, mas com ligeiro sinal mais da equipa da casa. Assim, a meio da primeira parte, o Pêro Pinheiro chegou à vantagem após uma jogada pela esquerda, em que a bola chegou à área onde Leo tentou o pontapé de bicicleta e, na insistência, Michael Segun fez o golo inaugural.
Pouco depois, o Caldas beneficiou de um pontapé de penálti a castigar falta na área sobre Alexandre Cruz. Contudo, na cobrança, Simões permitiu a defesa de André Martins.
Na segunda parte, o Caldas surgiu mais forte, mas foi o recém-entrado Luís Farinha quem testou os reflexos de André Martins.
O Caldas ameaçava e foi premiado pela insistência com o golo do empate (76′) após passe comprido para a área onde João Tarzan antecipou-se a André Martins e fez o 1-1.
O empate era um resultado que não agradava aos homens da casa que tentaram nos últimos minutos o tudo por tudo, mas sem eficácia na finalização. No final da partida, o Pêro Pinheiro pediu grande penalidade no último lance do desafio, mas o árbitro não atendeu aos protestos.|

CA Pêro Pinheiro 1
André Martins, Maurício, Juliano, Jerónimo, Ilmo, Tiago Francisco, José Pedro, Michael Segun (Tiago Honrado, 70′), Leo Mofreita (Ricky, 82′), Nuno Colaço, Rui Janota (Flávio Passos, 62′). Não jogaram: Carlos Soutilha, Ricardo Santos, Bruno Botas, Leonel Alcides.
Treinador: Rosalino.

Caldas SC 1
Natalino, Bé, Militão, Rony, Clemente, André Santos (Marcelo, 79′), Simões, Vítor Tarzan, Nuno Januário (Luís Farinha, 60′), Alexandre Cruz (João Tarzan, 60′), Araújo. Não jogaram: Luís Paulo, Paixão, Rui Almeida, Odair.
Treinador: José Vala.

Parque de Jogos Pardal Monteiro, em Pêro Pinheiro
Árbitro: Paulo Raposo (AF Santarém). Assistentes: Pedro Freire e Arlindo Crespo.
Ao intervalo: 1-0.
Golos: 1-0 Michael Segun (21′), 1-1 João Tarzan (76′).
Disciplina: Amarelo a Juliano (25′) e Ricky (88′).

Texto: Miguel Santos – Diário de Leiria
Foto: Joel Ribeiro