Num jogo nem sempre bem jogado, mas muito disputado, Moita do Boi e Guiense repartiram os pontos, num resultado que se aceita em função do que ambas as equipas produziram. Contudo, o empate agrada mais aos visitantes, dado que ficam mais perto da manutenção, enquanto a Moita do Boi continua em situação delicada.
O jogo começou com sinal mais para os visitantes e Félix esteve perto de marcar, mas Rodolfo evitou o golo, com uma grande defesa.
Já a meio da primeira parte, novamente os mesmos intervenientes, com Rodolfo a levar a melhor. Em cima do intervalo, André Duarte rematou por cima em boa posição. A Moita do Boi apenas numa situação esteve perto do golo, mas o remate de Zé Pedro saiu ao lado.
No segundo tempo, o jogo animou com ambas as equipas na procura do golo. Alexi teve perto de marcar, mas rematou por cima. Já Jimmy evitou em cima da linha que o Guiense se adiantasse no marcador. Pouco depois, o mesmo sucedeu na área do Guiense, com Sérgio Uvia a tirar em cima da linha, quando já muitos adeptos gritavam golo. Do outro lado, Damien num remate de meia distância colocou à prova os reflexos de Rodolfo.
Na parte final, a Moita do Boi procurou o golo, mas Marco, em boa posição, não conseguiu finalizar a preceito. A terminar, André Duarte esteve perto de marcar, mas o seu remate saiu por cima da baliza de Rodolfo.
Óptima arbitragem de Jorge Carreira. |

Moita do Boi 0
Rodolfo; Jimmy, Marcos, Paulo Gonçalves e Pedro Roma; Nélson Piquet, Mickael Santos (Diogo Almeida, 81′) e Zé Pedro (Brunito, 62′); Alexi, Mário João e Andrézito (Dani Santos, 86′). Não jogaram: Pesca, zezito, Micael Costa e João do Touco.
Treinador: João Pereira.

GD Guiense 0
Sérgio; Normando, João Diogo, Sérgio Uvia e Celso Brito; Tiago Grilo (Isaac, 89′), Damien e Félix; Ima (João Gato, 79′), Diogo Gameiro (Tiago Marques, 57′) e André Duarte. Não jogaram: Dias, João Pedro, Diogo Grilo e Fábio Alberto.
Treinador: Mário Artur.

Campo da Guarita, na Moita do Boi
Árbitro: Jorge Carreira. Assistentes: Pedro Menino e Francisco Ferreira.
Espectadores: 350.
Disciplina: Amarelo a Damien (15′), Zé Pedro (23′), Ima (32′), Celso (68′), Paulo Gonçalves (74′), Mário João (76′), Normando(86′) e Diogo Almeida (90′).

Texto e foto: Cid Ramos – Diário de Leiria