O Marinhense recebeu e venceu por 3-0 o GRAP, em jogo a contar para a jornada inaugural da Divisão de Honra.
O jogo começou com ritmo intenso, embora sem grande perigo para as duas balizas. E foi sem aviso prévio que Pedro Alexandre, de cabeça, aproveitou para fazer o primeiro da tarde, após um grande cruzamento na direita do ataque ‘alvinegro’.
O clube da casa não tirou o pé do acelerador e dispôs de duas boas oportunidades para dilatar a vantagem: primeiro por Diogo Domingues, a atirar isolado para uma boa defesa de João Lopes, e, de seguida, André Frias, de primeira, a atirar ao poste da baliza do GRAP, que parecia pouco esclarecida na defesa. O segundo golo da tarde surgiria ainda antes do intervalo, após um grande passe de João Carlos que isolou André Frias para este colocar a bola no fundo das redes e levar a partida com um 2-0 para o intervalo.
A segunda parte começou logo com um golo do Marinhense. Jogada rápida do conjunto de Marcelo Louro, cruzamento sem nenhum alívio por parte do GRAP e João Carlos, cirurgicamente, a fazer o terceiro e último golo da tarde.
Até final da partida, o jogo perdeu intensidade, sem grande perigo nas duas balizas, que contou com uma arbitragem positiva e sem erros de Rafael Jorge. |

AC Marinhense 3
Marco Cordeiro, Tomás Videira (Flávio Pedrosa, 58’), Rodrigo ‘Rossa’, Fran Santos, Pedro Alexandre, Zé Batista, Bruno Esteves (Leandro Sousa, 68’), João Carlos (Tiago Nunes, 58’), André Frias, Tomás Silva (Diogo Lercas, 58’), Diogo Domingues (André Matos, 68’).
Não jogaram: Rodrigo Lima, Renato, André Matos.
Treinador: Marcelo Louro.

GRAP 0
João Lopes, David Carreira, João Baptista, Tomás Silva, Francisco Silva, Leonardo Oliveira, Miguel Simões, Duarte Gomes (Pedro Fernandes, 63’), Bernardo Pires, Tiago Lopes, Mateus Carreira.
Não jogaram: Diogo Narciso, Diogo Silva, João Mamede, Guilherme Fernandes, Guilherme Santos, Afonso Luz.
Treinador: Frederico Rasteiro.

Campo da Portela, Marinha Grande
Árbitro: Rafael Jorge. Assistentes: Hugo Pradiante e Bruno Lopes.
Espectadores: 60. Ao intervalo: 2-0.
Golos: 1-0 Pedro Alexandre (9’), 2-0 André Frias (35’), 3-0 João Carlos (41’).
Disciplina: Amarelo a André Frias (39’), João Carlos (61’), João Baptista (76’).

Texto e foto: André Lucas – Diário de Leiria