O GRAP garantiu um triunfo justo por 2-0, num jogo em que a grande figura foi Alexandre Cruz, autor dos dois golos, ficando a dever a si próprio mais golos já que desperdiçou uma mão cheia de oportunidades desperdiçadas.
A Maceirinha fez o que pôde para sair do último lugar da tabela, mas apresentou fragilidades defensivas que não permitiram pensar em outro resultado que não a derrota.
O primeiro lance de perigo pertenceu ao GRAP com Alexandre Cruz, com um remate cruzado, a rematar pouco ao lado da baliza.
O mesmo jogador teve mais duas oportunidades para criar perigo, mas foi à terceira que conseguiu rematar certeiro para o fundo das redes, inaugurando o marcador.
Do outro lado, a Maceirinha tentava explorar o contra-ataque sempre com critério, mas a verdade é que a defensiva da casa foi resolvendo os problemas com maior ou menor dificuldades.
Em vantagem, a equipa da casa foi somando oportunidades de golo, mas a mais evidente foi protagonizada por Vieirinha que obrigou Pereira a defesa apertada.
Na segunda parte, o GRAP chegou cedo ao 2-0 num lance de contra-ataque em que Alexandre Cruz tirou um adversário do caminho e com todo o tempo do mundo rematou certeiro, fazendo o bis, aproveitando a passividade da defesa visitante.
Confortável no jogo, o GRAP foi sempre a equipa mais perigosa, e pouco depois Alexandre Cruz cruzou de trivela para a área onde apareceu Cédric a cabecear pouco por cima.
Na resposta, a Maceirinha ameaçou marcar mas Reinaldo, em boa posição, permitiu a intervenção de Mocheco.
Nos últimos minutos o GRAP ficou reduzido a dez unidades, mas ainda assim foi a equipa mais próxima de marcar, com Cédric a mostrar-se perdulário na finalização.
Arbitragem muito positiva de Jorge Carreira. |

GRAP 2
Mocheco, Lagoa, Mbala, Fábio Martins, Lucas, Migas, Fábio Pedro, Diogo Gomes (Ricardo Soares, 65′), Alexandre Cruz (Lomba, 89′), Vieirinha (Cristiano, 72′), Cédric.
Não jogaram: Renato, Beny, Mantorras, Bernardo
Treinador: Carlos Ribeiro.

Maceirinha 0
Pereira, JJ, Miguel (c), FP, Marcelo (João Rasteiro, 63′), Franco, Pica, Rodrigo, Hugo (Ricardo, 71′), Gomes (Leal, 85′), Reinaldo.
Não jogaram: Hugo, Ligeiro, Rúben, Ascenso.
Treinador: Walter Estrela.

Campo da Charneca, nos Pousos
Árbitro: Jorge Correia. Assistentes: Nélson Pereira e Gonçalo Gomes.
Espectadores: 80. Ao intervalo: 1-0.
Golos: 1-0 Alexandre Cruz (26′), 2-0 Alexandre Cruz (60′). Disciplina: Amarelo a Pica (23′), Fábio Pedro (48′), Miguel (63′), Mbala (75′ e 87′), FP (90+2′), Franco (90+3′). Vermelho por acumulação a Mbala.

Texto e foto: José Roque – Diário de Leiria