O Caldas não conseguiu dar sequência à vitória obtida no último jogo ao perder na deslocação ao terreno do Santa Iria por 2-1, num jogo em que os caldenses dominaram na primeira parte, altura em que chegaram ao golo, mas no segundo tempo permitiram a reacção ao adversário que conseguiu dar a volta ao resultado.
O Caldas começou o jogo a dominar e a acercar-se com perigo da área contrária, mas foi de bola parada de os caldenses chegaram à vantagem, a meio da primeira parte, na sequência de um canto de André Santos, a que Militão correspondeu da melhor maneira, fazendo o golo de cabeça.
Apesar de estar em vantagem, o Caldas não tirou o pé do acelerador, ficando perto do 0-2 quando Luís Farinha rematou forte para grande defesa de Paulinho.
De seguida, novamente o Caldas a ameaçar o golo após uma excelente jogada de combinação pela direita, com Juvenal a cruzar rasteiro e Leandro a não conseguir chegar à emenda por muito pouco.
Já perto do intervalo, o Santa Iria deu um ar da sua graça por intermédio de Ivan Rosa que encheu o pé em zona frontal, acertando em cheio no poste da baliza de Luís Paulo.
Se na primeira parte o Caldas foi sempre a melhor equipa, no segundo tempo o jogo mudou de figurino e a turma de José Vala foi uma sombra do que tinha demonstrado. Ainda assim, os primeiros minutos foram de equilíbrio até ao minuto 65, altura em que Flecha roubou a bola a André Santos e rematou ao ângulo para o golo do empate.
Galvanizada com o golo, a equipa da casa ficou perto de colocar-se em vantagem quando Militão tirou golo certo quando Luís Paulo já estava batido. Dois minutos volvidos e o Santa Iria chegou mesmo ao golo na sequência de um pontapé de penalti a castigar falta de Militão sobre Pedro Nunes. Na cobrança, João Costa assinou a reviravolta no marcador.
A partir daqui o Caldas tentou voltar ao jogo, mas o melhor que conseguiu foi um remate de Leandro para defesa de Paulinho. |

CF Santa Iria 2
Paulinho, André Grilo, Jota, Ildefonso, Denil (Pedro Lobo, int.), André Costa (Diogo, int.), David Lourenço, Ivo Rosa, Pedro Nunes (Vilela, 83’), Flecha, João Costa.
Não jogaram: João Louro, Cláudio Santos, Bruno Pais, Maurício.
Treinador: André Tomaz.

Caldas SC 1
Luís Paulo, Juvenal (Rafael Silveira, 79’), Militão, Rui Almeida, Flávio Passos, André Santos (Pedro Gaio, 73’), Paulo Inácio, André Simões, Luís Farinha, Nuno Januário (Isabelinha, 68’), Leandro.
Não jogaram: Rui Oliveira, Iuri Gomes, David Silva, Araújo.
Treinador: José Vala.

Campo do Sacavenense, Loures
Árbitro: Anzhony Rodrigues (AF Madeira). Assistentes: Luís Freitas e Nuno Pereira.
Ao intervalo: 0-1.
Golos: 0-1 Militão (26’), 1-1 Flecha (64’), 2-1 João Costa (75’, p.).
Disciplina: Amarelo a Flecha (42’), Nuno Januário (54’), Ivan Rosa (83’), Diogo (87’), André Simões (89’).

Texto: Renato Santos – Diário de Leiria
Foto: Joel Ribeiro – Gazeta das Caldas