Estalou o verniz em Porto de Mós. Apesar de estar a fazer um excelente campeonato, em que ocupa o segundo lugar na Divisão de Honra distrital, a AD Portomosense está a viver tempos conturbados já que os jogadores da equipa sénior recusaram-se treinar na passada terça-feira.
Em causa está o facto de vários dos jogadores do plantel ainda não terem recebido as avenças referentes ao mês de Outubro, pelo que recusaram subir ao relvado na terça-feira para treinar, contando com a adesão dos restantes jogadores do plantel que têm a situação regularizada, pelo que o treino agendado para o Estádio Municipal de Porto de Mós acabou por não se realizar.
Segundo o que o Diário de Leiria conseguiu apurar, o técnico do Portomosense Miguel Pinto mostrou-se compreensivo e solidário em relação ao protesto dos jogadores.
Por outro lado, a direcção do clube terá dado a garantia aos jogadores que os pagamentos seriam feitos ainda esta semana, com os atletas a garantirem que, enquanto não houver dinheiro, não haverá treinos. Para esta quinta-feira está agendada uma reunião entre jogadores e direcção do clube para resolver a questão. |

Texto: José Roque – Diário de Leiria
Foto: Rodolfo Deyllot