Bruno Daniel está a uma partida de entrar no “top 5“ dos jogadores com mais jogos pelo Ginásio na Lizsport Divisão de Honra distrital. O médio, de 27 anos, soma já 137 jogos pelos azuis naquele escalão e, tudo indica, deve tornar-se no quinto mais utilizado de sempre dos azuis e igualar Luís Silva. O capitão não esconde a… honra de representar o clube do coração e ainda tem mais recordes para quebrar: se perfizer 15 dos 20 jogos restantes da temporada ficará no 2.º lugar da lista, apenas atrás de Ilídio Ferreira, que, curiosamente, jogou ao lado do seu pai: “Chico“ Daniel.
“BD“ – como é conhecido no mundo do futebol – cumpre a 20.ª época no Municipal de Alcobaça, sem nunca ter passado por outro clube, e em entrevista ao REGIÃO DE CISTER, mostrou-se “orgulhoso e honrado“ por integrar um leque restrito de jogadores que fizeram história naquele “grande clube“.
O médio assume que praticamente todas as épocas tem convites para integrar novos projetos, “alguns deles mais interessantes a nível económico e desportivo“, mas o “dinheiro não é tudo“. O médio conta até que numa época que recebeu “uma das melhores propostas, para campeonatos superiores“, acabou por ser campeão no Ginásio.
Nos primeiros anos de sénior “o sonho era jogar na 2.ª e na 1.ª Divisão nacional, mas com o decorrer dos anos esse sonho foi decrescendo“, tanto que agora o ataijense não pensa em sair, quer “dignificar ao máximo a camisola do clube, ser um exemplo para os mais novos e transmitir-lhes a mística do Ginásio, que é um dos clubes mais titulados do distrito“. Bruno Daniel sente-se “concretizado“, apesar de “ambicionar ver o Ginásio nas competições nacionais e não nas distritais“.
Os treinadores que mais o marcaram até à data foram Nuno Damas, Gonçalo Raimundo e Filipe Faria, tendo sido “muito importantes“ na carreira do capitão, que, “por agora” não pensa em ser treinador de futebol. “Para isso é preciso vocação, não é só querer”, e “de momento“ o médio não tem “essa ambição“.
O momento que mais o marcou foi “a estreia pelos seniores do clube”, num jogo disputado no Municipal, ainda com idade de júnior.
Caso complete mais duas épocas de azul ao peito, Bruno Daniel tornar-se-á, naturalmente, no jogador com mais jogos pelo Ginásio na Divisão de Honra.

Texto e Foto – Região de Cister