Pedro Martim, avançado que entrou ao intervalo, foi a chave para desbloquear um jogo que até então estava equilibrado. A vitória da UD Leiria (3-1) acaba por ser justa já que foi a equipa que teve mais claras ocasiões de golo em todo o jogo, perante um SCL Marrazes que se bateu bem, mas que acabou por sofrer três golos em apenas seis minutos.
O jogo começou num ritmo intenso e, logo aos 2′, a UD Leiria esteve muito perto do golo. Manuel Vitorino ganhou a bola em zona central, mas só com Sousa pela frente rematou fraco e à figura.
O Marrazes não demorou muito a responder e, pouco depois, Michelin cruzou na direita e Mika, de cabeça, desviou ao lado da baliza de Hugo Sousa.
A partir daqui o jogo entrou numa fase mais monótona, disputado essencialmente a meio-campo e com bola raramente a chegar com perigo junto das balizas. Só mesmo em cima do intervalo surgiu um novo lance de perigo e para a UD Leiria, com Manuel Vitorino a ganhar a linha na direita e a cruzar atrasado para João Alves que, em boa posição, rematou à figura de Sousa.
A etapa complementar começou na mesma toada equilibrada, mas paulatinamente a equipa da casa foi-se tornando mais perigosa e já depois de João Alves cabecear para fora após lance de Manuel Vitorino na esquerda, aos 57′, a UD Leiria chegou mesmo ao golo. Jogada de Pedro Martim que, numa primeira fase tentou o passe, a bola acabou por ressaltar para o próprio, que acreditou no lance e numa boa jogada individual, passou por dois adversários e conseguiu inaugurar o marcador.
O Marrazes sentiu em demasia o golo sofrido e, pouco depois, aos 60′, sofreu novo golo. Cruzamento na direita de João Alves (um dos melhores em campo) e David Pires, de cabeça, a fazer o 2-0.
Ainda festejavam os homens da casa quando aos 63′ surgiu novo golo para a UD Leiria, com João Alves a finalizar da melhor forma um bom movimento colectivo da equipa da casa.
Com o resultado em 3-0, ainda assim o Marrazes não desistiu de lutar e, já em cima do tempo regulamentar, aos 70′, Rodrigo Bento foi lançado em velocidade e com um bom remate fez o 3-1 que viria a ser o resultado final.
Boa arbitragem do trio que viajou de Lisboa.|

UD Leiria 3
Hugo Sousa, Gonçalo Figueiredo (Tiago Gaspar, 53′), David Pires, Mário Wilson, Joel Mendes, Tiago Dinis (Pedro Martim, int.), Tiago Leonardo, Simão Carvalho, Manuel Vitorino, David Duarte, João Alves (c) (Tomás Faria, 64′).
Não jogaram: Diogo Silva, Tomás Trezentos, Rodrigo.
Treinador: Wilson Gomes.

SCL Marrazes 1
Sousa, Michelin, Amado (c), Fran (Gabi, 51′), Simão, Mika, Rodrigo (Ivan, int.), Rodrigo Bento, Tiago, Alexandre Roleiro (João, 64′), Alvarez.
Não jogaram: Francisco, Caseiro, Edu, Dinis.
Treinador: Nuno Pereira.

Campo da Mata, Santa Eufémia
Árbitro: Flávio Lima (AF Lisboa).
Assistentes: António Franco e Hugo Ribeiro.
Ao intervalo: 0-0. Espectadores: 250.
Golos: 1-0 Pedro Martim (57′), 2-0 David Pires (60′), 3-0 João Alves (63′), 3-1 Rodrigo Bento (70′).
Disciplina: Amarelo a Gonçalo Figueiredo (47′), Michelin (65′), Mário Wilson (70′).

Texto: Pedro Almeida – Diário de Leiria
Foto: UDL