Perante o líder do campeonato, o GRAP foi derrotado pela margem mínima, num resultado deveras injusto, já que os anfitriões foram claramente a melhor equipa em campo, tendo sofrido o golo em tempo de compensação.
Os donos da casa, com um futebol positivo e de qualidade, remeteram o seu opositor ao seu meio-campo defensivo, dominando territorialmente com uma pressão média/alta, o que obrigou a Pelariga ao erro tendo feito uma primeira parte inexistente em termos ofensivos.
O GRAP, embora com esse maior ascendente, sentia dificuldades em criar situações de verdadeiro perigo, terminando a primeira etapa com um nulo no marcador.
No reatamento, a partida foi mais aberta, com o GRAP a ter sinal mais, mas rematando muito pouco à baliza. A Pelariga deu um ar da sua graça quando Ricardo Vieira, já dentro da área, proporcionou excelente intervenção a Miguel Pereira.
Na resposta, foi Tomás Pereira que quase aproveitou uma má reposição de bola do guardião contrário, mas o remate saiu ligeiramente por cima. Depois foi Lourenço (bela exibição), de longe, a tentar a sua sorte, mas também pecou na finalização.
Já em período de compensação surgiu o único tento do desafio, pela formação que menos fez por isso, mas Serrano, num remate sem preparação, após cruzamento, obteve um belo golo.
Excelente arbitragem de Francisco Ferreira.|

GRAP 0
Miguel Pereira, Henrique Vieira, Miguel Gonçalves, Tomás Santos, Miguel Gomes, Miguel Cordeiro (Duarte Vieira, 62’), Lourenço Reis, Diogo Correia, Bernardo Oliveira (Tomás Lopes, 52’), Diogo Santos (Rodrigo Castro, 62’) e Tomás Pereira.
Não jogaram: Alexandre Carnide e João Guarda.
Treinador: Marcelo Germano.

GD Pelariga 1
Bernardo, Pedro Simões (João Pereira, 51’), JP, Garay, Guilherme, Rafa (c), Simão (Rica, 67’), João Tomás (Simão Simões, 61’), Ricardo Vieira, Cordas (Bruno, 67’) e Pedro Carvalho (Serrano, int.).
Não jogaram: Martim e Romeu.
Treinador: Manuel Lopes.

Campo da Charneca, Pousos
Árbitro: Francisco Ferreira. Assistentes: Miguel Rebelo e Pedro Menino.
Ao intervalo: 0-0. Espectadores: 85.
Golos: 0-1 Serrano (70+4’).
Disciplina: Amarelo a Simão (58’) e Rafa (61’).

Texto e foto: Fábio Osório – Diário de Leiria