No domingo à tarde, mais uma vez, o Ouriense não conseguiu pontuar frente a uma equipa que está claramente num patamar acima. O Alcanenense começou muito forte ao inaugurar o marcador, aproveitando da melhor maneira um erro da equipa da casa, em que Jamerson registou o seu nome na lista de marcadores.

Foram precisos apenas 10 minutos para a equipa de Alcanena aumentar o marcador, com um trabalho notável de Jamerson que fintou Parracho e assistiu Genilston este só teve que encostar para fazer o golo.

O Ouriense, com alguma timidez, ainda chegou a baliza de Vítor com algum perigo, mas nada que preocupasse a defensiva de Alcanena. Antes do intervalo, o árbitro assinalou uma grande penalidade por Renan jogar a bola com a mão, este viu o segundo cartão amarelo sendo expulso da partida. Desta forma, o Ouriense diminuiu a desvantagem fruto da grande penalidade, convertida por Dino Martins.

Logo de seguida, o Alcanenense respondeu ao golo sofrido, com um contra-ataque em que Cláudio rematou certeiro.

Na segunda metade da partida, o Ouriense veio com tudo para conseguir alterar o marcador, jogando com um ritmo muito alto, o que causou imensas dificuldades para a defesa do Alcanenense. Com o jogo partido, o Alcanenense chegava sempre com perigo por via do contra-ataque, e assim foi o golo de Bruno Rodrigues que foi assistido por Peu e não teve a mínima dificuldade para aumentar a vantagem pois encontrava-se só na grande área do Ouriense.

Com o decorrer do jogo, o ritmo baixou gradualmente até que, numa jogada de contra-ataque, Helton fez o golo da tarde, com um remate a cerca de 30 metros da baliza, deixando Hélio sem a mínima hipótese de defesa.

Com este resultado o Alcanenense consolida a sua posição a meio da tabela classificativa, já o Ouriense é cada vez mais último juntamente com Atlético Riachense.

CA Ouriense     1
Hélio, Tony (Micka, 45’), Parracho, Nelson Brites, Luís Lagoa, Dino Martins, Dércio Ribeiro, Leandro (TD, 74’), Lúzio (Bruno Valinho, 22’), Rui Ferreira e Miguel Neves.
Não jogaram: Stephane, Dioguinho, Diogo Reis e Carlos Pina.
Treinador: Nuno Domingos.

AC Alcanenense    5
Vítor, Assane, Paz Miguel, Wilson Paulo, Renan, Cláudio (Helton, 65’), Faia, Genilson, Peu, Turé (Alfredo, 83’) e Jamerson (Bruno Rodrigues, 65’).
Não jogaram: Wilson, Pedro Gil, Kelvin e Bruno.
Treinador: José Torcato.

Estádio Municipal de Fátima
Árbitro: Paulo Raposo. Auxiliares: Pedro Lopes e Filipe Correia.
Espectadores: 200. Ao intervalo: 1-3.
Golos: 0-1 Jamerson (12’), 0-2 Genilson (22’), 1-2 Dino Martins (40’, g.p.), 1-3 Cláudio (42’), 1-4 Bruno Rodrigues (72’), 1-5 Helton (84’).
Disciplina: Amarelo a Renan (25’ e 40’), Micka (67’), Genilson (79’), Vítor (80’), Alfredo (82’).

Texto: Renato Santos – Diário de Leiria
Foto: Bruna Santos