Praticamente com as classificações já definidas, o SL Marinha recebeu o SCL Marrazes e, tal como já se adivinhava, o jogo foi quase sempre jogado numa toada desinteressante e com muitos passes falhados de parte a parte. Valeu o golo de Nuno Joaquim, que garantiu a vitória aos comandados de Bruno Ramusga.

O jogo começou numa toa­da morna, com as duas equipas a falharem muitos passes e a revelarem muitas dificuldades em conseguir criar lances de verdadeiro perigo. Mui­ta bola pelo ar, muitas pausas e muito pouco futebol.

Apesar disso, o sinal mais era dos homens do Marrazes, e­qui­pa que, aos 25′, esteve mes­mo perto inaugurar o marcador, com Nuno Joaquim a cabecear com selo de golo, valendo Diogo Lopes com um corte decisivo em cima da linha de golo.

O Marrazes estava mais for­te no jogo, e novamente Nuno Joaquim, aos 31′, dispôs de uma boa ocasião para inaugurar o marcador, mas acabou, mais uma vez, por não conseguir o que parecia ser o mais fácil. Pouco depois, foi Duque que criou um lance de perigo, mas o remate acabou por bater caprichosamente no poste da baliza de Hugo.

Até que, mesmo em cima do intervalo, Nuno Joaquim acreditou numa bola lançada em profundidade e, perante a enorme passividade dos defesas da equipa da casa, ganhou na insistência, e com um toque subtil inaugurou o marcador e deu justiça ao resultado.

Poderia pensar-se que na etapa complementar poderíamos assistir a melhorias na qualidade do jogo. Puro engano.

O jogo continuou na mesma toada morna e desinteressante, com o SL Marinha a mostrar poucos argumentos para contrariar a vantagem do Marrazes e pior ainda a partir da expulsão infantil de Edu. O Marrazes foi controlando o jogo e o melhor que o SL Marinha conseguiu foi um remate em jeito de Cláudio, mas, ainda assim, longe de criar verdadeiro perigo.

Arbitragem sem qualquer influência no resultado, ainda que não isenta de pequenos erros, num jogo em que os jogadores também não facilitarem, sempre em constantes quezílias.

SL Marinha 0
Hugo, Rafael Vitorino, Diogo Lopes, Gameiro, Joel, Cláudio, André Vitorino (Ribeiro, 64′), Pedro Silva (c), Fábio Lucas, Edu, Manu.
Treinador: José Carolino

SCL Marrazes 1
João, Francisco, Diogo José, Zimas (c), Zé Pedro, Kiko, Guedes, Duque (Didi, 76′), Rabi, Daniel Remígio (Élvis, 76′), Nuno Joaquim. Não jogaram: Cajadão, Gonçalo Cordeiro, Gonçalo Gomes, Lauro, Lagoa.
Treinador: Bruno Ramusga.

Campo da Ordem, Marinha Grande
Árbitro: Rafael Jorge. Assistentes: Bruno Lourenço e Nélson Severiano.
Espectadores: 75. Ao intervalo: 0-1.
Golos: 0-1 Nuno Joaquim (45′).
Disciplina: Amarelo a Kiko (21′), Rafael Vitorino (26′), Francisco (39′), Fábio Lucas (52′), Nuno Joaquim (65′), Daniel Remígio (71′), Edu (55′ e 75′). Vermelho por acumulação a Edu.

Texto e foto: Pedro Almeida – Diário de Leiria