A UD Leiria B mantém-se em luta acesa pelo título distrital em juvenis ao vencer o SC Pombal por 3-1, num jogo em que esteve a perder fruto de uma melhor entrada do adversário, mas construiu a reviravolta na segunda parte, com grande combatividade e suor.
Os leões entraram melhor na partida e chegaram ao golo na primeira oportunidade. Francisco Alcântara recebeu um pontapé de canto batido à maneira curta, centrou para o coração da área e Rodrigo Carvalho, livre de marcação, cabeceou a contar.
Durante a primeira meia hora de jogo e com excepção para um lance de bola parada em que Mário Cabral subiu à área adversária e só por infelicidade não concretizou, foi o Pombal que dominou o encontro e, quase sempre, chegava com mais perigo à baliza adversária.
No último quarto de hora da primeira parte, os jovens do Leiria equilibraram a partida e passaram a ter mais posse de bola. Nesta fase a qualidade do jogo melhorou e assistiu-se a um jogo mais aberto e bem disputado. O Pombal procurava o contra-ataque e a velocidade dos seus avançados e não abdicava da possibilidade de dilatar o resultado enquanto a UD Leiria, agora a mandar no jogo, andava mais perto do golo do empate que iria surgir, em cima do intervalo, apontado por Manuel Marques.
No segundo tempo, a UD Leiria regressou transfigurado dos balneários e o ataque começou finalmente a carburar. A equipa da casa aumentou a velocidade e chegava à área adversária com mais frequência, pelo que a reviravolta já era previsível e aconteceu mesmo através de um remate traiçoeiro e do meio da rua, com o qual Joel Mendes não falhou o alvo.
Em desvantagem, a equipa de Paulo Andrade cresceu, aumentou a agressividade e procurou o empate. O Pombal revelava-se nesta fase mais sóbrio, dinâmico e chegava mais vezes ao último terço com perigo. Aí, foi a vez de Diogo Silva brilhar e segurar a vantagem Leiriense.
O jogo não terminou sem que o recém-entrado Pedro Sousa, novamente na sequência de um canto e de alguma confusão na área, ampliasse o resultado com o golo que ‘matou’ o jogo (3-1).
Boa arbitragem de David Domingos.|

UD Leiria ‘B’ 3
Diogo Silva, Tomás Francisco, Rodrigo Silva (Afonso Gabriel, 52’), David Pires, Mário Cabral, Alexandre Vieira, Tiago Leonardo, Gonçalo Girão (Pedro Santos, 64’), João Alves, Manuel Marques e Joel Mendes.
Não jogaram: Danilo Carreira, Eduardo Ramalho, André Silva, Tiago Dinis e Gonçalo Figueiredo.
Treinador: Micael Pedrosa.

SC Pombal 1
Rodrigo Lima, Miguel Lopes (Bernardo Monteiro, 8’), André Pascoal, Tiago Gomes (Pedro Simões, 40’), António Martins, Simão Silva, Diogo Silva (Fabrício Cavichioli, 80+3’), Daniel Sachuk, Rodrigo Carvalho, José Ferreira e Francisco Alcântara.
Não jogaram: Marco Mendes, João Manuel, Bruno Chita e Pedro Carvalho.
Treinador: Paulo Andrade.

Campo da Mata, Santa Eufémia
Árbitro: David Domingos. Assisten-tes: Gonçalo Carreira e David Lopes.
Ao intervalo: 0-1. Espectadores: 100.
Golos: 0-1 Rodrigo Carvalho (6’), 1-1 Manuel Marques (40’), 2-1 Joel Mendes (62’), 3-1 Pedro Santos (75’).
Disciplina: Amarelo a Tomás Francisco (17’) e Francisco Alcântara (48’).

Texto: Paulo Daniel – Diário de Leiria
Foto: André Lucas