Depois de ter vencido a UD Leiria na jornada passada, o Marialvas recebeu e superou outra equipa do distrito de Leiria, desta feita a Pelariga, por 3-2, em jogo a contar para a ronda 10 da 2.ª fase da Série Centro do Nacional de Iniciados e, deste modo, garantiu matematicamente o acesso ao ‘playoff’ da fase de Apuramento de Campeão, enquanto a formação do concelho de Pombal permanece no último lugar.
Na primeira parte, os cantanhedenses dominaram as operações, mas foram perdulários na hora de finalizar tendo falhado diversas ocasiões de golos com Barroso, Felício e Rodrigo a serem os autores dos maiores desperdícios. Posto isto, foi com naturalidade que o nulo chegou até ao intervalo.
Os anfitriões entraram no segundo tempo praticamente a marcar: Felício arrancou pela direita, cruzou atrasado e Furtado, com um bom remate, fez o 1-0.
Todavia, os visitantes não desanimaram e, pouco depois, Gonçalo subiu mais alto que os seus adversários e cabeceou para o golo do empate. De seguida, aos 59’, a Pelariga conseguiu mesmo a reviravolta através de Garay que, um pou­co a seguir ao meio-campo, enviou uma ‘bomba’ que só parou no fundo das redes de Bernardo, num golo de antologia.
A perder pela primeira vez, a turma local não baixou os braços e, aos 75’, Barroso fez o empate numa recarga na área.
No período de compensação, o dianteiro dos cantanhedeses bisou após lance de insistência da equipa local na área adversária, fixando o resultado em 3-2.|

CF ‘OS Marialvas’ 3
Bernardo, Rúben, Diogo, Kiko, Teixeira, Furtado (João Matos, 68’), Miguel Alves, Rodrigo (Rafael Jordão, 33’), Felício, Ricas (Samu, int.), Barroso.
Não jogaram: Daniel Ferrão, Diogo Rosário, Gonçalo, Miguel Lucas.
Treinador: Jason Reis.

GD Pelariga 2
Bruno, Gui (Tomás Serrano, 58’), Garay, Rafa, Afonso, Ró, Alex, Gustavo (Gabi, 76’), João Tomás (Ricardo, 58’), Gonçalo, Ricardo Vieira.
Não jogaram: Martim, Simão, João Padeiro, Bruno Lisboa.
Treinador: Marco Ferreira.

Complexo Desportivo Cantanhede
Árbitro: Marco Pereira (AF Aveiro).
Assistentes: Jorge Silva e João Henriques.
Ao intervalo: 0-0.
Golos: 1-0 Furtado (43’), 1-1 Gonçalo (50’), 1-2 Garay (59’), 2-2 Barroso (75’), 3-2 Barroso (80+2’)
Disciplina: Amarelo a Barroso (33’), Garay (53’) e Teixeira (54’).